SALVAÇAO DA TUA ALMA

Quer ganhar dinheiro? Aprenda a investir em bitcoin http://www.bispomacedo.com.br

O amor





I Corintios 13
Amor

Ainda que eu falasse as línguas dos homens e dos anjos, e não tivesse amor, seria como o metal que soa ou como o címbalo que retine.

E ainda que tivesse o dom de profecia, e conhecesse todos os mistérios e toda a ciência, e ainda que tivesse toda fé, de maneira tal que transportasse os montes, e não tivesse amor, nada seria.

E ainda que distribuísse todos os meus bens para sustento dos pobres, e ainda que entregasse o meu corpo para ser queimado, e não tivesse amor, nada disso me aproveitaria.

O amor é sofredor, é benigno; o amor não é invejoso; o amor não se vangloria, não se ensoberbece,
não se porta inconvenientemente, não busca os seus próprios interesses, não se irrita, não suspeita mal;

não se regozija com a injustiça, mas se regozija com a verdade;

tudo sofre, tudo crê, tudo espera, tudo suporta
.
O amor jamais acaba; mas havendo profecias, serão aniquiladas; havendo línguas, cessarão;
havendo ciência, desaparecerá;

porque, em parte conhecemos, e em parte profetizamos
;
mas, quando vier o que é perfeito, então o que é em parte será aniquilado.

Quando eu era menino, pensava como menino; mas, logo que cheguei a ser homem,
acabei com as coisas de menino.

Porque agora vemos como por espelho, em enigma, mas então veremos face a face; agora conheço em parte, mas então conhecerei plenamente, como também sou plenamente conhecido.

Agora, pois, permanecem a fé, a esperança, o amor, estes três; mas o maior destes é o amor.


"O Amor"


O que é o amor?
Numa sala de aula haviam várias crianças.
Quando uma delas perguntou à professora:
* Professora, o que é o amor?
A professora sentiu que a criança merecia uma resposta à altura da pergunta inteligente que fizera. Como já
estava na hora do recreio, pediu para que cada aluno desse uma volta pelo pátio da escola e que trouxesse o
que mais despertasse nele o sentimento de amor.
As crianças saíram apressadas e ao voltarem a professora disse:
* Quero que cada um mostre o que trouxe consigo.
A primeira criança disse:
* Eu trouxe esta flor, não é linda?
A segunda criança falou:
* Eu trouxe esta borboleta. Veja o colorido de suas asas, vou colocá-la em minha coleção.
A terceira criança completou:
* Eu trouxe este filhote de passarinho. Ele havia caído do ninho junto com outro irmão. Não é uma gracinha?
E assim as crianças foram se colocando. Terminada a exposição a professora notou que havia uma criança
que tinha ficado quieta o tempo todo.
Ela estava vermelha de vergonha, pois nada havia trazido. A professora se dirigiu a ela e perguntou:
* Meu bem, porque você nada trouxe?
E a criança timidamente respondeu:
* Desculpe professora. Vi a flor e senti o seu perfume, pensei em arrancá-la, mas preferi deixá-la para que seu
perfume exalasse por mais tempo. Vi também a borboleta, leve, colorida! Ela parecia tão feliz que não tive
coragem de aprisioná-la. Vi também o passarinho caído entre as folhas, mas ao subir na árvore notei o olhar
triste de sua mãe e preferi devolvê-lo ao ninho.
Portanto professora, trago comigo o perfume da flor, a sensação de liberdade da borboleta e a gratidão que
senti nos olhos da mãe do passarinho.
Como posso mostrar o que trouxe?
A professora agradeceu a criança e lhe deu nota máxima, pois ela fora a única que percebera que só
podemos trazer o amor no coração e não em nada físico".

9 comentários:

multiolhares disse...

adoro a carta aos coríntios
certa vez que fiz um poste sobre o
amor também a coloquei

o amor é o sentimento mais sublime
ele vive nas esferas e esta no universo
jamais morre

beijinhos
luna

SONHO disse...

Olá

Então voltas a postar
Fico feliz
Eu tb andei afastada
Por mil motivos
Mas tb estou de volta e espero vc por lá, ainda muito humilde meu cantinho, eu ainda ando sem muito animo, tive minha mãe muito doente e semana passada ela nos deixou
Mas a vida continua e eu vou continuar meu caminho

Beijos

António Inglês disse...

Olá querida amiga

Cá venho agora e consegui entrar, pelo que penso a coisa estará resolvida.
Venho com novo nome, o meu e por isso sou mais EU.
Deixo-te beijinhos
António Inglês

Julia disse...

O Amor é realmente importante em todos os sentidos.

Quando existe amor, não existe malvadezas nem mesquinharias etc...

Beijos pra você.

SONHO disse...

O mais importe na vida é amar
Com certeza ser amado é bom
Mas nunca o fundamental
Afinal quantos aki não estão mais e nos continuamos a amar

Bons sonhos

O Profeta disse...

És realmente fantástica...enebrio-me e perco-me nas tuas sublimes palavras...


Passou o dia sobre as cidades
Esquecido por esta estação
Uma flor deposita no vento uma semente
Este ribeiro leva consigo a ilusão

Secretamente a terra a recolhe
Guarda-a da voragem do vento
Espera que água a fecunde
Explode a vida a cada momento

Convido-te a sentir o toque pungente das trindades…


Boa fim de semana


Mágico beijo

Moonlight disse...

No amor não há impossíveis...

beijo

efeneto disse...

Perdi-me em mim
Onde sempre me procurei
Entre palavras e sentidos
Onde sempre me demorei
Entre versos feitos de cetim

Perdi-me em mim
No onde e no entre assim
No princípio, meio e fim
Perdi-me em mim...

Apenas me achei para lhe desejar
Bom fim-de-semana
Na companhia de quem ama...
Que pode ser, família, amigos
Não interessa

Å®t Øf £övë disse...

Maria,
Grande verdade. O amor está no nosso coração. E eu pergunto-te: O que seria a vida se o amor não existisse?
Na minha opinião seria um verdadeiro marasmo.
Bjs.